quarta-feira, 29 de abril de 2009

Mais do mesmo, mas com qualidade


Forte influência dos anos 80, mas com uma roupagem atual e um pesinho no rock n' roll. Muitas letras sobre relacionamentos, mas de maneira despojada, hum... sarcástica. Em resumo, rocksinho dançante, divertido, contagiante. Do que estou falando? Tonight, o mais recente cd do Franz Ferdinand. Por acaso essa descrição tá te lembrando os dois álbuns anteriores da banda? Pois é, Franz Ferdinand é isso e ponto. Podem acrescentar uma coisinha aqui, tirar outra alí, mas a essência permanece a mesma. O quarteto escocês de Glasgow, faz rock dançante e agrade a quem agradar.
Não sei por que cargas d'água, minha intuição para esse cd era de que o Franz ia se arriscar mais no rock n' roll. Acho que pensei o mesmo antes de You could have it so much better (2005). Mas foi desatenção minha, pois na última faixa do 2° cd, eles dão a dica com Outsiders. É a faixa mais eletrônica e cheia de barulhinhos esquisitos do álbum. Parece ter sido o ponto de partida para Tonight.
Agora resolvi me convencer que a cada novo trabalho dos caras temos um "mais do mesmo", mas com qualidade! Quer dizer, não é que eles se tornem repetitivos. É que não apresentam assim, uma grande novidade, algo surpreendente. Vão inovando aos poucos. Por exemplo, Tonight é o álbum que mais trabalha elementos eletrônicos até agora. É tanto barulhinho compondo as músicas, que dá vontade de ser um mosquinha para estar no estúdio nas horas de gravação e descobrir de onde sai tantos sons diferentes.
As mais contagiantes do cd, do tipo "impossível ficar parado", são Ulysses, No You Girls e Send Him Away. Não fugindo à regra, o álbum também traz uma ou outra baladinha, das quais a mais legal é Katherine Kiss Me.

3 comentários:

Felipe Leduino disse...

Franz Ferdinand é bom assim mesmo!
Não precisa mudar muito!
Que nem esse blog: música, leitura, cinema e viagem!
Cultura para o povo!

Parabéns, Lisa!

beijos!

† Klaus † disse...

Eu que downloadei-lo! :D

thiagoks disse...

roubarei [parte d]o nome desse post.
acho.

[e sobre o disco do Franz... ainda não escutei. No maximo uma música, achei legalzinha.]